Arquivo | Vegetarianismo RSS feed for this section

Natal sem crueldade

25 dez

Crescemos acreditando que o Natal é uma data que envolve amor, compaixão e solidariedade. Eu, sinceramente, estou com um pouco de dificuldade de associar esta data a sentimentos tão nobres. Não que eu não acredite na boa intenção das pessoas – pelo menos de algumas – mas o que eu vejo hoje em dia me faz acreditar que as pessoas, infelizmente, estão cada vez mais preocupadas com o “eu”.

Um exemplo que hoje, pra mim, é o maior de todos, é a naturalidade com que as pessoas se sentam à mesa e “degustam” animais que sofreram desde o momento de seu nascimento até o seu assassianto.

Comemorar e sorrir ao redor de cadávares se tornou tão natural que o frango assado e o porco a pururuca não são vistos pelos seres humanos como animais…são apenas mais um prato na mesa para saciar o paladar duvidoso do homem. 

Onde está a compaixão em se matar milhões de animais para satisfazer um paladar, diga-se de passagem, duvidoso?

Onde está a compaixão em se confinar animais, privando-os do sol, de espaço…do mínimo necessário para que se tenham uma vida confortável e saudável?

Natal, pra mim, é sinônimo de vida e nascimento.
E não há lógica em comemorarmos a vida com morte e sofrimento.

III Seminário sobre direitos dos animais

29 nov

“TEORIA E PRÁTICA”

Data: 1º e 2 de dezembro de 2009
Horário: das 14h00 às 22h00
Local: Auditório da Casa de Cultura Japonesa
Endereço: Avenida Professor Lineu Prestes, 159 – Cidade Universitária – Butantã
ENTRADA FRANCA
Distribuição de certificados aos interessados
Informações e inscrições: lei@usp.br
Tels.: (11) 3091-2441/ 3091-3584
Realização: Laboratório de Estudos sobre a Intolerância (LEI) – USP

PROGRAMAÇÃO

1º de dezembro de 2009

14h00 às 16h00

Ecologia de estradas no Brasil
Giordano Ciocheti – graduado em ciências biológicas pela UFSCar, mestre em ecologia pela USP.

Aves silvestres e cativeiro
Soraya Lysenko – graduada em ciências sociais pela USP, diretora financeira da Associação Bichos da Mata.

Problemas de animais silvestres em cativeiro doméstico irregular e programa de reintrodução do Ibama/SP
Vincent Kurt Lo – graduado em ciências biológicas pela USP, analista ambiental do Ibama/SP.

16h00 às 17h30
Sem rodeios: aspectos históricos, sociológicos e jurídicos da prática Carlos Bedin Cipro – graduado em direito pela PUC/SP, advogado.

Ação judicial em defesa dos tubarões: uma luta pela vida e contra a crueldade
Cristiano Pacheco – graduado em direito pela ULBRA, diretor do IJA e advogado da Sea Shepherd Brasil.

17h30 -. Coffee break vegano

18h00 – Exibição do documentário Sharkwater, de Rob Stewart.

20h00 às 22h00

A grande imprensa e os animais
Silvana Andrade – jornalista, diretora editorial da ANDA (Agência de Notícias de Direitos Animais).

Um dia enjaulado no Zoo de Bauru
Dagomir Marquezi – graduado em jornalismo pela FAAP, jornalista e escritor.

2 de dezembro de 2009

14h00 às 16h00

O impulso da automação – Racionalismo e controle na relação entre os humanos e os outros animais no pós-guerra.
Frederico Santos Soares de Freitas – graduado em história pela USP, mestrando em história social pela USP.

O tanku, o pet e o ciborgue: uma perspectiva antropológica da relação humano-animal e dos direitos animais
Guilherme Antunes – graduado em ciências sociais pela Unesp, mestrando em antropologia social pela UFSCar.

A importância das ações estudantis na quebra do paradigma científico baseado no uso de animais Róber Bachinski – graduando em ciências biológicas pela UFRGS.

16h00 às 18h00
Direitos Animais: um novo paradigma na educação
Leon Denis Moreira Filho – graduado em filosofia e história, professor da rede pública de ensino.

Repensando as fronteiras entre o humano e o não-humano através da antropologia
Mayra Vergotti Ferrigno – graduada em ciências sociais pela Unicamp, mestranda em antropologia social pela Unicamp.

A superação do paradigma antropocêntrico no direito
Marcius Porto – graduado em direito pela Univap, juiz de direito do estado de São Paulo.

18h00Coffee break vegano.

19h00 às 21h00 Novos caminhos para a fundamentação legal da objeção de consciência à experimentação animal
Daniel Braga Lourenço – graduado em direito pela PUC/RJ, professor de direito da UFRRJ.

Direitos animais: desdobramentos das pregas morais
Sônia T. Felipe – doutora em teoria política e filosofia moral pela Universidade de Konstag (Alemanha), pós-doutora em bioética e ética animal pela Universidade de Lisboa.

Fonte: recebido via e-mail

Circuito Cultural Animal

3 out

CCA

Começou no dia 27 de setembro o Circuito Cultural Animal. Trata-se de um evento em comemoração ao Dia Mundial do Animal que é comemorado todo dia 04 de outubro.

De 27/09 à 04/10 a cidade de São Paulo será palco de palestras sobre guarda responsável, adoção, vegetarianismo, animais em entretenimentos, tráfico de animais, alternativas à experimentação animal e legislação sobre direitos dos animais.

Para saber maiores informções, acesse o site do Circuito Cultural Animal. Lá vc irá encontrar a agenda com todos os eventos que ainda serão realizados.

“Chegará o dia em que todo o homem conhecerá o íntimo de um animal e, nesse dia, todo o crime contra o animal será um crime contra a humanidade.” Leonardo da Vinci